DICAS DE USO

Os vidros blindados merecem um cuidado especial em seu automóvel, pois eles são o ponto mais atingido quando ocorre um ataque com arma.

 

DICAS DE USO

Limpeza – Utilize um pano umedecido em água.  O uso de produtos derivados de petróleo ou abrasivos pode danificar a superfície do vidro. Após a limpeza, finalize com um pano limpo seco.

Acessórios– Fixar no para-brisa qualquer acessório fazendo uso de ventosa ou qualquer outro meio que venha a ficar preso ao vidro por um longo período, fará com que a área do vidro que está em contato com este material, poderá ocasionar a formação de bolha.

Choque térmico – Se o veículo ficar exposto ao sol por longo período, ele ficará com os vidros com um aquecimento muito superior ao de um vidro convencional. Jogar água neste vidro blindado, que está aquecido, poderá causar trincas, devido a sua composição química.

Impacto – O vidro blindado é instalado em uma base que suporta a estrutura de peso; devido ao acréscimo de peso, ele fica mais vulnerável em sua fixação, podendo ao fechar a porta com maior força, quebrar a ponta de sua base instalada.

Torção de carroceria – O vidro blindado é muito mais rígido do que um vidro convencional. O vidro original é composto. Por ele ser uma estrutura balística, ele é mais sensível a quebra por uma torção de carroceria

O vidro original é mais flexível, enquanto o vidro blindado é um pacote rígido, em função de sua estrutura balística.

O usuário de automóvel blindado deverá ter cuidado especial também em lombadas e valetas, pois poderá haver quebra do para-brisa ou vidro vigia, pois o comportamento de torção de carroceria é diferente do automóvel convencional. Portanto, tenha atenção especial nesta condição. Estacionar o automóvel com as rodas desniveladas também pode gerar uma torção de carroceria, forçando os vidros e podendo causar quebra.

After you have typed in some text, hit ENTER to start searching...